quinta-feira, 17 de junho de 2010

Soneto de uma vontade

Queria sentir o seu beijo
Saber o gosto que tem
Ver se é como desejo
Se me fará ir além

Como vou me sentir
Quando o momento chegar
Será que vai sorrir
E meus medos acalmar?

Os olhos, fechados
A mente caminha
Vai ao encontro seu

Com os corpos selados
Sua boca na minha
Agradeço o destino meu

3 comentários:

  1. Lindinho, moça!
    Gostei de sua investida poética... e claro, fiquei curiosa... mas sobrevivo.
    :)
    Amoamoamo!

    ResponderExcluir
  2. Doce dor da expectativa. Mto bonito. =)

    ResponderExcluir